Minha foto
O SENTINELA - Nos adicione em https://www.facebook.com/sentinela.brasil

Seguidores

O projeto Excelências traz informações sobre todos os parlamentares em exercício nas Casas legislativas das esferas federal e estadual, e mais os membros das Câmaras Municipais das capitais brasileiras, num total de 2368 políticos. Os dados são extraídos de fontes públicas (as próprias Casas legislativas, o Tribunal Superior Eleitoral, tribunais estaduais e superiores, tribunais de contas e outras) e de outros projetos mantidos pela Transparência Brasil, como o (financiamento eleitoral) e o (noticiário sobre corrupção).

O projeto disponibiliza espaço para que os políticos retratados apresentem argumentos ou justificativas referentes a informações divulgados no projeto, como noticiário que os envolva, ocorrências na Justiça e Tribunais de Contas, informações patrimoniais e outras. Para providenciar o registro de algum eventual comentário, solicita-se que o político entre em contacto com a Transparência Brasil.

quinta-feira, 22 de março de 2012

"ENXOVAL DE RECRUTAS" CAI NA MALHA FINA DO Ministério Público Militar


Enxoval investigado

Exigência de que recrutas comprem material para o curso de formação é alvo do Ministério Público Militar

Guilherme Amado

O Ministério Público Militar (MPM) decidiu investigar a denúncia de que a Aeronáutica tem exigido de seus recrutas um enxoval, incluindo roupas e material escolar, conforme publicado no Correio no último sábado. Em despacho, a procuradora-geral da Justiça Militar, Cláudia Márcia Ramalho Moreira Luz, designou a promotora Ione de Souza Cruz para apurar as denúncias e tomar as medidas cabíveis.
Na semana passada, a Aeronáutica admitiu que a cobrança era feita, mas negou que o pedido de enxoval tivesse caráter obrigatório. No entanto, em um documento a que o Correio teve acesso, com o título "Material obrigatório para o início do curso", o Batalhão de Infantaria Especial de Brasília (Binfae) pede que os soldados providenciem eles mesmos itens como toalhas, calças jeans, tênis e material escolar para que possam participar do Curso de Formação de Soldados. O custo dos itens pedidos soma, no mínimo, R$ 500.
A exigência de enxoval contraria o Estatuto dos Militares, lei que define o funcionamento das Forças Armadas, que afirma caber à Aeronáutica providenciar esse tipo de material. Na prática, a exigência dificulta a entrada de pessoas mais pobres na instituição. "Tem muito colega de família mais pobre que desistiu por causa dessa obrigatoriedade", relatou um militar que pediu anonimato.
O Ministério Público Militar também investiga a prática no Exército, após denúncia de que o Instituto Militar de Engenharia (IME), no Rio de Janeiro, estaria exigindo que os novatos também levassem seu próprio enxoval.

ENTENDA O CASO:




Nenhum comentário:


I made this widget at MyFlashFetish.com.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...